O que é um Laboratório de Inovação?

laboratórios de inovação

Por Brehner Paiva

Estamos acostumados a lembrar de biologia, química e física quando ouvimos a palavra laboratório, porém a palavra “laboratório” significa um ambiente cuja finalidade é a experimentação de soluções independentemente da área que se aplica. Assim, quando falamos de “laboratório de inovação”, queremos dizer que é um espaço no qual experimenta-se soluções inovadoras para diversas áreas, como a gestão.

Os Laboratórios de Inovação são estruturas pensadas para gerar condições favoráveis para que a inovação ocorra, estimulando a reflexão, a pesquisa, a prototipagem de ideias, o intercâmbio de boas práticas, a realização de cursos de capacitação e formação, o desenvolvimento de soluções de interesse de uma gestão moderna, inovadora e resolutiva e, no limite, a projeção de tendências para a melhoria das políticas e serviços ofertados.

DE QUE FORMA A SOLUÇÃO DE PROBLEMAS OCORRE?

Uma das principais características de um Lab de Inovação é o foco no usuário, a sistematização do conhecimento da equipe e a capacidade de conectar pessoas e estruturas para construção de soluções. Isso ocorre através da troca de experiências exitosas entre profissionais qualificados de diferentes áreas, permitindo a multidisciplinaridade como ponto principal para que soluções inovadoras possam surgir em diferentes setores do tecido social. Desse modo, o principal objetivo de um laboratório de inovação é solucionar problemas da maneira mais eficiente possível. A solução dos problemas que o laboratório de inovação vai buscar pode estar:

• Na criação de novos produtos;

• Na criação de novos serviços;

• Na reformulação de processos;

Essas melhorias podem ser incrementais ou disruptivas. A primeira se refere ao aumento da produtividade interna da organização, enquanto a segunda pode acarretar no desenvolvimento de um modelo de negócio totalmente novo. Estes fatores ocorrem devido aos laboratórios permitirem uma visão completa dos problemas existentes nas organizações, sejam elas públicas ou privadas de qualquer ordem.

COMO DEVE SER UM LABORATÓRIO DE INOVAÇÃO?

Para que um laboratório de inovação possa atingir com êxito seus objetivos ele precisa ser espaçoso, estimulante, integrado, tecnológico e orgânico, permitindo a concentração, a colaboração, a aprendizagem e a socialização. A necessidade de um ambiente como esse existe porque os profissionais precisam estar bem envolvidos para ampliação do conhecimento. Assim, o time do laboratório de inovação pode trabalhar analisando os dados quantitativos e qualitativos do local em que o laboratório será alocado, registrando as informações.

COMO ELE SURGE?

Um laboratório de inovação surge a partir de quatros principais pontos:

Imersão, na qual os profissionais ficam imersos no contexto organizacional da instituição em que se pretende construir o laboratório de inovação;

Ideação, em que ocorre a troca de ideias e experiências buscando pensar em soluções específicas para cada problema;

Prototipagem, nesta fase é quando se testas as soluções pensadas na fase anterior afim de evitar a implementação de algo ineficaz;

Implementação, fase em que o laboratório é finalmente implementado e as soluções começam a ser criadas e também colocadas em prática.

OS LABORATÓRIOS DE INOVAÇÃO SÃO TODOS IGUAIS?

Não. Existem diversos modelos de laboratórios de inovação, os quais são escolhidos de acordo com a finalidade do laboratório, sendo o modelo de consultoria o mais comum, uma vez que o trabalho é feito a partir de uma empresa que vai planejar o laboratório de inovação de acordo com o desejo da instituição que contratá-la. O modelo usado no laboratório de inovação também depende dos recursos disponíveis pela organização que deseja construí-lo, pois de acordo com o intuito dele a questão financeira é ímpar para sua viabilidade.

QUAIS AS VANTAGENS DE UM LABORATÓRIO DE INOVAÇÃO?

A implementação do laboratório de inovação na organização trará benefícios e vantagens como:

• Soluções inovadoras que serão multidepartamentais, ou seja, vão atingir mais de um departamento da organização na qual o laboratório estiver instalado;

• Redução de custos;

• Soluções baseadas na utilização de protótipos, isto é, desenvolver soluções e testá-las, se funcionarem são continuadas, senão são descartadas;

• Auxiliar o administrador da organização a tomar decisões mais fáceis;

• Consolidação do empreendedorismo, uma vez que a organização passa a ter processos mais eficientes;

• A marca da empresa passa a ser associada à tecnologia e inovação, o que nos dias atuais é algo que chama atenção dos clientes;

Agora que você sabe o que é um laboratório de inovação, conta pra gente nos comentários o que você achou e se você já tinha ouvido falar desse tipo de processo!

Concurso premiará jovens mulheres da inovação na América Latina

Concurso premiará jovens mulheres da inovação na América Latina | Inteligência Social para o Desenvolvimento Sustentável

Concurso de Inovação da Unesco vai premiar Jovens mulheres latino-americanas protagonistas da inovação

A Cátedra Regional da UNESCO para Mulheres, Ciência e Tecnologia na América Latina estabeleceu uma aliança estratégica em 2019 com a Barcelona Activa, a agência de desenvolvimento econômico e local da Câmara Municipal de Barcelona.

muheres, protagonistas, inovação, UNESCO, Ciência, Concurso

Como resultado desta aliança, foi aberta a segunda edição do #NosotrasInnovamos, “Jovens mulheres latino-americanas protagonistas da inovação para a sustentabilidade socioambiental”, concurso destinado a jovens latino-americanas entre 18 e 35 anos que estejam iniciando ou desenvolvendo projetos inovadores em tecnologia.

Três equipes serão premiadas e terão acesso a treinamentos virtuais, conferências, contatos e assessoria exclusiva com profissionais da Barcelona Activa e da Cátedra UNESCO da FLACSO Argentina

Mais informações, bases e condições do concurso e inscrições em: https://www.catunescomujer.org/nosotrasinnovamos/index.html

As inscrições serão recebidas até 16 de abril de 2021! Aproveite esses meses de descanso para preparar sua inscrição.

Por que o concurso?

A ideia é destacar a importância e o potencial criativo do trabalho coletivo de jovens mulheres envolvidas em empreendimentos de base tecnológica. Porque acreditamos que o desenvolvimento tecnológico deve promover a igualdade de gênero e a inovação social. E porque almejamos novas tecnologias para contribuir para uma sociedade mais justa, equitativa e sustentável.

O que é a Cátedra Regional da UNESCO para Mulheres, Ciência e Tecnologia na América Latina?

A Cátedra Regional da UNESCO para a Ciência e Tecnologia da Mulher na América Latina investiga e promove a igualdade de gênero na Sociedade do Conhecimento. Lidera projetos que visam a análise e transformação de estereótipos e valores de gênero nas áreas científica, tecnológica e de inovação. Entre suas linhas de atuação estão a criação de redes e programas de ação em comunidades, a orientação de jovens profissionais da área de ciência e tecnologia e a organização de workshops, eventos e fóruns. Ele assessora organizações governamentais, regionais e internacionais.

Saiba mais sobre a Cátedra Mulheres de Ciência e Tecnologia da UNESCO aqui: https://www.catunescomujer.org/

O que é o Barcelona Activa?

Barcelona Activa é o organismo responsável pela promoção da política económica e do desenvolvimento local para promover a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos, promovendo o emprego, promovendo o empreendedorismo e apoiando as empresas na visão de uma economia plural. Tem como objetivo promover a atividade económica da cidade, promovendo a capacitação dos cidadãos e o reequilíbrio entre territórios para a concretização de um modelo justo de desenvolvimento económico na perspetiva da economia plural, nomeadamente da Economia Social e Solidária.

A Barcelona Activa centra a sua actividade em diferentes linhas estratégicas, entre as quais “Proximidade às necessidades do território e das pessoas, empresas e outros actores económicos e sociais com uma perspectiva inovadora e reequilíbrio territorial”. Assim, a Barcelona Activa lidera uma mudança de paradigma nesta área e propõe um novo modelo de desenvolvimento económico baseado na proximidade, que valoriza as necessidades e oportunidades do ponto de vista territorial, tendo em conta as potencialidades dos bairros e bairros que compõem a cidade e refletem sua diversidade e distribuição desigual de patrimônio econômico, renda e ocupação.

Além disso, há três décadas, a Barcelona Activa promove a incorporação da mulher ao mundo dos negócios. Através do LIDERA, a referência de crescimento e ambiente de networking para todas as mulheres em Barcelona, ​​profissionais, gestores ou empresárias, programas e atividades são oferecidos para acompanhar todas as mulheres que desejam crescer e avançar profissionalmente.

Saiba mais sobre o Barcelona Activa aqui: https://www.barcelonactiva.cat/barcelonactiva/es/index.jsp.

Curso sobre Análise de Dados e Políticas Públicas será ministrado em Recife

Curso sobre Análise de Dados e Políticas Públicas será ministrado em Recife | Inteligência Social para o Desenvolvimento Sustentável

Ministrado pelos Sócios da OXY Pesquisa, Curso será sediado na Escola de Inovação e Políticas Públicas (EIPP) da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), em Recife-PE.

A Escola de Inovação e Políticas Públicas da Fundação Joaquim Nabuco (MEC) está com inscrições abertas para o curso de “Introdução à Análise de dados de Políticas Públicas: monitoramento e social advocacy”.

O curso, com duas turmas de 50 alunos cada, irá explorar a coleta de dados e o acompanhamento de Políticas Públicas com foco na Sociedade Civil e gestores públicos. As aulas acontecerão na unidade do Derby, Centro do Recife.

A primeira turma terá encontros nos dias 23, 24 e 25 de agosto, das 9h às 12h e das 14h às 17h. Já para a segunda turma, as aulas acontecem nos dias 30 e 31 de agosto e 1º de setembro.

Os encontros serão ministradas pelos sócios da OXY Pesquisa, professores Rafael S. F. Sales, graduado em Ciências Sociais (UFPE) e mestre em Administração (UFPE), e Fernanda Meira, graduada em Ciências Sociais (UFPE), Comunicação Social com Habilitação em Relações Públicas e mestre em Antropologia.

As inscrições para a participação no evento podem ser feitas através do formulário.

Introdução à análise de dados de Políticas Públicas: monitoramento e social advocacy
Datas: Turma 01 – 23, 24, e 25 de agosto/2018 e Turma 02 – 30 e 31 de agosto e 01 de setembro/2018
Horário: 9h às 12h e 14 às 17h
Local: Escola de Inovação e Políticas Públicas – EIPP/Fundaj (Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE)
Inscrições: https://goo.gl/4qxGKq

EnglishPortugueseSpanish